sexta-feira, maio 6

Eu Ajudo-te

Tenho uma artrose jeitosa no meu joelho esquerdo fruto de uma fractura no fémur resultado de um acidente que tive há 20 anos. Apesar da medicação diária tenho andado numa fase muito má. Acho que nunca estive tão mal. Esta semana acordava de noite cada vez que me mexia. Subir ou descer escadas é um suplício porque tenho que subir degrau a degrau evitando ao máximo articular o joelho. Serve tudo isto não para me lamentar como se estivesse na sala de espera de um consultório mas para contar o seguinte episódio. Ontem depois do jantar levava a minha pequena de 4 anos pela mão em direcção ao quarto que fica no 1.º andar. Conversávamos sobre qual a história a ler antes de adormecer. Ao subir as escadas reparo que ela me imita subindo um degrau de cada vez muito devagar.


- Podes ir subindo que a mãe já lá vai ter.


- Eu ajudo-te, mãe.



E apertou-me a minha mão com mais força e subiu degrau a degrau comigo.

5 comentários:

São Rosas disse...

A princesa sabe tomar conta da rainha!

CMO disse...

Maravilha

Anónimo disse...

tive um problema idêntico durante muitos anos. há 2 anos um médico achou que não era artrose. bingo! fui operada, tirei uns "corpos livres" que tinha a criar problemas à rótula e nunca mais tive problemas!

já viste bem isso?

Anónimo disse...

e entretanto li um livro que mudou a minha vida: "nascidos para correr".o segredo é andar, correr descalços!

Red Eagle disse...

Também tenho uma situação semelhante a essa mas é no cotovelo. Tenho é a vantagem que o meu cotovelo adivinha melhor o tempo que os fulanos da metereologia...

Saudações Chaladas