terça-feira, julho 24

Crato Encerra Escolas a Conselho de Relvas

"O ministro da Educação justificou esta segunda-feira o encerramento de mais 239 escolas com o seu colega de Governo, Miguel Relvas, que provou que as escolas não servem para nada a não ser para gastar dinheiro ao Estado e incomodar as crianças.

«Até ao final do ano contamos encerrar todas as escolas do país, desde o primeiro até ao último ciclo», explicou fonte do Ministério da Educação. «A única coisa que vai ficar aberta é a secretaria da Lusófona, para quando as pessoas tiverem experiência poderem ir lá levantar o diploma», concluiu.

Relativamente aos professores, que vão ficar todos no desemprego, o Governo lamenta mas diz que temos de nos adaptar aos tempos modernos. «Se há várias universidades que dão cursos, os portugueses têm de perceber que o Estado não pode continuar a pagar milhões por esse instrumento obsoleto que é a escola», afirmou o primeiro-ministro, antes de detonar uma escola secundária."


3 comentários:

Anónimo disse...

E... não se faz uma daquelas manifestações à borla....

Frederico Gastão disse...

Se quiserem rir um pouco vão ao blogue do Ramiro Marques. Agora veio com a teoria que as calinadas do ME são provocadas por pessoal infiltrado do PCP e do BE com o intuito de descredibilizar o ministro.
É de rir e chorar por mais!

Blackbit disse...

A Educação anda pelas "ruas da amargura"...